Friday, 9 January 2009

Is it really needed?

I once wrote here about the ridiculous plans of opening a dozen new shopping centers in Portugal, specially in areas where the ratio of shops per person is already dense.

But now then went an extra mile...

Why does my country need this?

PS - went to visit the good old Olivais Shopping (above which I worked for two years) and was shocked! I will write a full report this weekend.

11 comments:

Renato said...

levou uma remodelação quase total que ainda nem vi, mas estava um bocado necessitado

maggie said...

O dolce vita tejo?

para me dar mais trabalho;
para me dar melhores condições de trabalho;
para me dar mais prémios (€) ao final do ano;
para dar mais oferta de mercado aos portugueses;
para oferecer mais muitos (não sei quantos (mas na ordem dos milhares) postos de trabalho;
para com isto trazer todas as consequências positivas que possam advir de:

eu ter mais trabalho, melhores condiçoes de trabalho, um salário melhor
e os portugueses terem uma maior oferta em produtos e não estarmos sujeitos ao monopólio da Sonae e muitos portugueses poderem vir a ter emprego

:)

Wask said...

realmente a cassete do Socrates funciona contigo ahs 1000 maravilhas!!!

Filipe Rodrigues said...

Pequenos pormenores sobre esse shopping:
- Jóia de entrada para ter uma loja 35 mil euros;
- Prioridade a lojas que não existam noutros centros comerciais, ou seja, primeiro aceitam lojas que não existam em mais nenhum centro e só depois as mais consagradas.
- 7000 programas de formação, no IEFP, para uma pré-selecção de candidatos a emprego, ou seja, se não passares no curso do IEFP, nem sequer te podes candidatar a um emprego em qualquer loja do centro comercial. Se passares, podes também não ter...
Isto a mim cheira-me a acordo entre o Amorim e o Sócrates.
Gostava também de saber o que vai a contecer ao comercio da zonha, e inclusivamente aos shoppings que estão ali perto, como o de Odivelas e de Loures

CherryBlossom said...

Não sabia desse! Estamos em competição com o Dubai para ver quem tem mais centros comerciais por m2? Oh boy...

Tuga em Londres said...

Pá, precisar de novos centros comerciais não precisamos mas entre estar aquela zona ali sem nada e desenvolverem um centro comercial que até vai ter o metro a ir lá o que possivelmente significa que vai servir outras terras isso será benéfico para essas populações. Bem, a ver vamos quando aquilo abrir se vai mesmo trazer beneficios para a zona ou se nao.
Entao e afinal quais sao essas duas coisas que vais fazer este fds. Tou curiosa.

Restelo said...

O pior de tudo, é saber que vai andar cheio de gente!

Lua said...

Cheio de gente a gastar o dinheiro que não tem!

Em vez de ivnestir noutros projectos, em Educação, em x, z e y que nem vale a pena referir porque é tão óbvio... mas enfim.

cris said...

É por estas e por tantas outras que eu quero sair daqui!!!
Um país pobre, que faz "vida" de rico !
Só mesmo nas mer*** que não são necessarias!!
Realmente é muito melhor ter o centro comercial maior da europa , do que melhores condições de vida para todos ...para quê hospitais, escolas, segurança,cultura, etc etc etc etc

Marshmallow said...

Mais um caso Freeport! Quanto terá ele recebido desta vez?

Anonymous said...

É realmente um absurdo e o argumento da criação de postos de trabalho não é muito convincente pois quantos postos se vão perder pela concorrência que este "mamarracho" vem fazer ao comércio local e às outras "catedrais do consumo" que ficam nas redondezas? conhecendo a zona não acredito num grande sucesso...mas quem sabe...o povo é imprevisivel e a novidade atrai sempre...quem vai sofrer é o já moribundo Odivelas Parque.
Mas também é verdade que o nosso país é sempre apelidado de pobre mas se se contabilizasse os 50% ou mais de Economia paralela talvez os números mudassem, mais ainda se se cobrassem impostos sobre o valor real que empresas e profissionais liberais facturam...